11°C 14°C
Porto Alegre, RS
Publicidade

Pix por aproximação deve começar em fevereiro de 2025

A partir de fevereiro de 2025, os correntistas poderão fazer o Pix por aproximação, anunciou nesta quinta-feira (4) o Banco Central (BC).

04/07/2024 às 20h37 Atualizada em 09/07/2024 às 21h15
Por: Redação Fonte: Agência Brasil
Compartilhe:
Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil / Divulgação Diário de Porto Alegre
Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil / Divulgação Diário de Porto Alegre

A partir de fevereiro de 2025, os correntistas poderão fazer o Pix por aproximação, anunciou nesta quinta-feira (4) o Banco Central (BC). A autoridade monetária e o Conselho Monetário Nacional (CMN) editaram novas regras para ampliar o open finance , compartilhamento de dados entre as instituições financeiras, e permitir a modalidade.

Por meio do Pix por aproximação, o correntista poderá fazer a transferência instantânea sem sair do ambiente de compras on-line e ir para o aplicativo do banco. A funcionalidade, no entanto, exige a inclusão de novos tipos de instituições financeiras no open finance e estabelecer uma governança definitiva para o compartilhamento de dados entre elas.

No fim de julho, o Banco Central publicará normas mais detalhadas sobre o tema, que trarão instruções para as instituições financeiras e definirão a responsabilidade delas na nova ferramenta. Os testes começarão em novembro, com o lançamento do serviço para a população em fevereiro do próximo ano.

 

O cronograma anunciado pelo BC é o seguinte:

31 de julho de 2024: regulamentação específica para a Jornada de Pagamentos Sem Redirecionamento (JSR), nome formal do Pix por aproximação;
14 de novembro de 2024: início dos testes pelas instituições financeiras, para garantir a segurança da funcionalidade;
28 de fevereiro de 2025: Lançamento do produto para a população.

As novas regras do open finance têm como objetivo diminuir etapas nos pagamentos on-line . Para isso, será necessário oferecer o Pix nas carteiras digitais, instituições financeiras onde o cliente deposita dinheiro para fazer pagamentos on-line .

Pelas novas normas, as instituições financeiras com mais de 5 milhões de clientes, individuais ou em conglomerados, serão obrigadas a aderir ao open finance.

Segundo o BC, a mudança ampliará, de 75% para 95%, a base de clientes que podem optar por compartilhar seus dados entre as instituições. O cliente com carteiras digitais deverá se cadastrar em uma instituição inscrita no open finance e liberar as funções de Pix nas carteiras digitais.

 

Maicon Teixeira
Sobre o blog/coluna
Maicon Teixeira, redator no portal Diário de Porto Alegre, comprometido com a verdade dos fatos e a ética no jornalismo. Escrevo sobre uma ampla variedade de temas, destacando os principais acontecimentos de Porto Alegre e região, além dos destaques nacionais. Tenho um interesse especial pelo esporte e pelo cotidiano, o que enriquece minhas reportagens com uma perspectiva única.
Ver notícias
Porto Alegre, RS
11°
Chuvas esparsas

Mín. 11° Máx. 14°

11° Sensação
4.93km/h Vento
93% Umidade
100% (30.29mm) Chance de chuva
07h19 Nascer do sol
05h41 Pôr do sol
Seg 17° 13°
Ter 19° 12°
Qua 20° 13°
Qui 20° 12°
Sex 23° 13°
Atualizado às 00h07
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 344,745,22 +4,00%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Publicidade
Publicidade