11°C 14°C
Porto Alegre, RS
Publicidade

Brasil é o 2º país com maior intenção de investimentos em TI

Estudo realizado pela consultoria Grant Thornton ouviu 5 mil líderes empresariais de 28 países.

04/07/2024 às 13h46 Atualizada em 04/07/2024 às 20h34
Por: Redação Fonte: Agência Dino
Compartilhe:
Foto: Freepik / Divulgação Diário de Porto Alegre
Foto: Freepik / Divulgação Diário de Porto Alegre

Como estratégia para alavancar seus negócios, ganhar competitividade e reduzir custos, empresas de médio porte brasileiras querem aumentar os investimentos em Tecnologia da Informação (TI) em 2024.

O percentual de empresas brasileiras (80%) que vão direcionar mais investimentos em TI neste ano chama atenção especialmente quando comparado à América Latina, onde 69% dos ouvidos se mostraram dispostos a elevar o aporte de aplicação nessa área - esse número também é superior quando confrontado com o índice global, de 61%.

Os números foram revelados no estudo International Business Report (IBR), produzido pela consultoria Grant Thornton e publicado no portal TI Inside. O levantamento foi realizado com cerca de 5 mil líderes empresariais de 28 países, no final do segundo semestre de 2023.

De acordo com a CEO da companhia de TI Global Web, Bruna Boner, a pesquisa reflete uma tendência positiva no desenvolvimento tecnológico e na modernização das empresas brasileiras. “Esse dado mostra que o mercado nacional está reconhecendo a importância estratégica da tecnologia da informação para o crescimento e a competitividade.

Além disso, é um indicativo de que as empresas estão dispostas a inovar, adotando novas tecnologias para melhorar seus processos, produtos e serviços”, afirma.

O índice de 80% das empresas que planejam esse investimento, evidenciados na pesquisa, coloca o Brasil em segundo lugar no ranking global de investimento em TI, empatado com a Índia e a Indonésia, ficando abaixo apenas da Nigéria (83%). “À medida que as empresas investem mais em tecnologia, elas também precisam estar atentas à proteção de seus dados e sistemas contra ameaças cibernéticas.

Investir em cibersegurança não só protege a empresa contra ataques, mas também fortalece a confiança de clientes e parceiros”, explica Boner.

O estudo mostra ainda que os 80% também representam o segundo maior percentual desde o primeiro semestre de 2019, quando 81% dos líderes de empresas de médio porte tinham a expectativa de investir mais em TI. O indicador tem se mantido igual ou acima de 75% desde o segundo semestre de 2020.

A CEO da Global Web pontua que “os investimentos em TI devem ser acompanhados de programas de treinamento e desenvolvimento, para garantir que os colaboradores saibam utilizar as novas tecnologias de maneira eficaz”.

“A TI pode ser um fator decisivo para o sucesso de uma empresa como, por exemplo, permitindo a automação de processos, aumentando a eficiência operacional e reduzindo custos. Em um cenário onde a experiência do cliente é cada vez mais valorizada, esse setor desempenha um papel fundamental na personalização e na melhoria do atendimento ao cliente”, conclui Boner.

Website: https://www.globalweb.com.br/

Bruno Ortega
Sobre o blog/coluna
Bruno Ortega escreve para o portal Diário de Porto Alegre e acredita no Jornalismo comprometido com a verdade dos fatos e com a ética, trazendo sempre os principais fatos de Porto Alegre e região, além dos destaques nacionais e da mídia.
Ver notícias
Porto Alegre, RS
13°
Chuvas esparsas

Mín. 11° Máx. 14°

13° Sensação
4.02km/h Vento
97% Umidade
100% (30.29mm) Chance de chuva
07h19 Nascer do sol
05h41 Pôr do sol
Seg 17° 13°
Ter 19° 12°
Qua 20° 13°
Qui 20° 12°
Sex 23° 13°
Atualizado às 03h05
Publicidade
Economia
Dólar
R$ 5,43 +0,00%
Euro
R$ 5,93 +0,00%
Peso Argentino
R$ 0,01 +0,05%
Bitcoin
R$ 345,512,24 +4,23%
Ibovespa
128,896,98 pts 0.47%
Publicidade
Publicidade
Publicidade